quarta-feira, 10 de abril de 2013

RN deixa de ganhar nova vaga de deputado

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou ontem a redistribuição do número de vagas para deputado federal no Brasil por 5 x 2.

No entanto, o Rio Grande do Norte não ficou entre os Estados beneficiados com o acréscimo de cadeiras. É que a relatora Nancy Andrighi optou por um cálculo em que não alterou o número de vagas no Estado.

Ganharam vagas os estados do Amazonas e Santa Catarina, uma cada; Ceará e Minas Gerais duas. O Pará ganhou quatro novas vagas. Perderam: Alagoas, Espírito Santo, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, uma cadeira cada. Já Paraíba e Piauí perderão dois deputados. Conforme atestou ainda ontem à noite o portal G1 do Globo.com e o Jornal Nacional da Rede Globo.