quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Saúde


A proximidade com o Verão, época mais querida no Nordeste, aguça a procura pelo corpo ideal. Perder peso e “entrar em forma” passam a ser objeto de desejo de vários brasileiros. Para isso, as pessoas recorrem aos exercícios físicos, tanto nas academias quanto nos espaços públicos, além de dieta restritivas para emagrecimento rápido. Entre as receitas que prometem uma perda de peso em tempo rápido está a famosa “dieta da sopa”, que utiliza o alimento como base. Mas é preciso cuidado para não perder peso e junto a saúde.

De acordo com a nutricionista do Hapvida Saúde, Mariana Feitosa, em geral, as dietas da sopa funcionam para emagrecer, já que leva à baixa ingestão de outros alimentos. “Quando são usadas com a promessa de perder peso, elas conseguem levar a esse objetivo. Em geral, as sopas têm uma digestão facilitada e pouca gordura”, explica Mariana. Além disso, ela chama atenção para a importância da educação alimentar. “Você não deve ‘pular’ ou substituir refeições. É necessário uma reeducação alimentar”, afirma.

A especialista explica que a dieta da sopa emagrece porque promove uma mudança brusca no metabolismo. “Quando o organismo e se acostuma com a nova rotina, a pessoa para de perder peso. Por isso, essa não é a forma mais saudável de perder peso”, explica. Um ponto que precisa ser observado quando a pessoa faz qualquer dieta restritiva é a ingestão correta de todos os nutrientes necessários para o bom funcionamento do organismo.