segunda-feira, 26 de maio de 2014

Conheço essa feira!



No mote de Jarcone Vital eu disse:

Tem viola e repentista,
Sola pra fazer rabicho,
Matuto vendendo bicho,
Tem comércio de revista.
Tem trocador e cambista,
Banca vendendo cuscuz,
Tomate, manga e umbus
Xote e samba de latada;
Tem tudo e não falta nada
Na feira de Santa Cruz

Tem bolo e caldo de cana,
Menino pegando frete,
Tem feijão em canivete,
Tem solda preta e banana.
Tem pedido de cigana,
Tem resto pros gabirus,
Tem ladrão de alcaçuz,
Corda no chão estirada;
Tem tudo e não falta nada